Nossas redes sociais

Rafa Martins vai da MPB ao folk pelo indie em mergulho pessoal no disco “Paisagens”

Música

Rafa Martins vai da MPB ao folk pelo indie em mergulho pessoal no disco “Paisagens”

Guitarrista, vocalista e produtor musical, Rafa Martins é conhecido pelo som mais enérgico da Selvagens à Procura de Lei, banda que se destaca no cenário nacional há mais de uma década e para a qual escreveu sucessos. Já em seu trabalho solo, o folk, o indie e o soft rock guiam um som mais orgânico, onde as letras reflexivas se tornam potências de diálogo sobre as nossas vulnerabilidades. Fruto do isolamento e de um processo de autoconhecimento, “Paisagens”, seu álbum de estreia, abre toda uma gama de sonoridades. O disco chega com o clipe para “Café”.

 

Ouça “Paisagens”: https://bfan.link/paisagens

Assista ao clipe de “Café”: https://youtu.be/_0mWeG8DLco 

 

“Para mim, ‘Paisagens‘ não é só um álbum. É também um retrato da minha idade, do meu tempo, da minha vida. Sempre digo que não fosse o período de pandemia, acho que não teria feito. As músicas vieram junto com a vontade de se manter ativo nas composições e produções mesmo estando parado nos shows com a banda. Escolhi o nome do disco não necessariamente pelo significado literal, mas também pelas formas de se enxergar novos horizontes, novos caminhos”, explica Rafa.

 

Assista ao lyric video de “Sincero”: https://youtu.be/m5zYclA8kWY

Assista ao clipe “Barco no seu mar”: https://youtu.be/x1QAkj5aBI4

Assista ao clipe “Passarinho Louco”: https://youtu.be/ly3LIwzpSE0

 

O disco começou a ser gerado de modo intimista inspirado pelas múltiplas mudanças na vida de Rafa. Após anos de viagens e morando em São Paulo, ele se viu de volta ao Ceará com um olhar diferente, ao mesmo tempo saudoso e estrangeiro.

 

“É um disco extremamente pessoal, são canções construídas na pandemia, dentro de um quarto, voz e violão, que com o tempo foram sendo lapidadas e ganhando outros instrumentos, mas que funcionam também quando estou apenas com o violão cantando pra alguém. E tem a ver, sim, com a minha volta para Fortaleza depois de sete anos em São Paulo, e as suas diferenças enquanto cidades, mas também tem a ver com as imagens que permanecem na minha memória durante esses anos de capital paulista. Tem a praia e tem o concreto, tem o silêncio e tem o barulho, a chuva e o sol, a dor e o afeto”, reflete ele.

 

Gravado em seu home studio em Fortaleza e no Estúdio El Rocha, na capital paulista, o projeto teve apoio do produtor musical Paul Ralphes que, segundo o artista, foi seu conselheiro durante o processo. Como um manual de uma memória afetiva musical, “Paisagens” vai de Simon and Garfunkel, George Harrison e David Gilmour até Belchior e Caetano Veloso com clima de uma viagem ao mar. 

 

Com participação de Marina Brasil nos vocais de “Barco No Seu Mar” e “Café”, baterias de  Mauricio Takara e teclados de Daniel Coelho, o disco traz Rafa em todos os outros aspectos – como produtor, intérprete, instrumentista e compositor. “Paisagens” é um lançamento do selo Olga Music disponível em todas as plataformas de  música.

 

Comentários

Mais em Música

Topo